Qual bike devo comprar?

06fev11

fonte da imagem: http://www.treehugger.com

Várias vezes respondi esta pergunta: qual bike comprar? Sempre que amigos, conhecidos ou parentes pensam em comprar uma bike me perguntam isso. A minha resposta é sempre a mesma: depende do que você pretende fazer com ela. Daí você pensa: ora bolas, o que pretendo fazer é pedalar! Mas saiba que existem diversos estilos de bike, projetados para diferentes atividades. Depois de ler este post, pelo menos o básico você vai saber!

Estilo

Não pretendo prolongar muito este post, serei o mais rápido e objetivo possível. Então vamos começar pelo tipo adequado à sua necessidade. Vou simplificar a coisa ao ponto de reduzir a apenas 4 tipos diferentes de bike: confort, mountainspeed e dobrável.

A linha confort é a preferida do tiozão, pois mantém a coluna na vertical evitando sobre-carga nos punhos ou nos ombros durante a pedalada. Geralmente vem equipada com selim (banco) largo, macio e com molas, além de pedais que possibilitam andar descalço. Não é a bike adequada para fazer trilhas, muito menos para andar em alta velocidade. Se você quer uma bike para passear, sem sombra de dúvidas este é o tipo mais confortável que você vai achar.

Se você procura uma bike mais versátil, talvez você queira uma mountain. Este tipo é bem característico por ter o guidão (ou guidom) reto ou semi-reto. São bikes que podem ser usadas tanto para passeios quanto para trilhas. Não são tão confortáveis quanto as confort, pois a coluna do ciclista fica inclinada para frente. Não são tão rápidas quanto as speed, mesmo adaptadas com pneus finos e lisos. São ideais para trilha e ciclismo urbano. As mountain são conhecidas também como MTB.

fonte da imagem: http://www.scott.com.br

Se o seu objetivo é competir, o tipo mais adequado é uma speed. A maioria das corridas, campeonatos de velocidade e triathlons são disputados com speed. Apesar de escassas, existem provas para MTB, mas o comum mesmo é com speed. Com pneus super-finos e com a inclinação do tronco do atleta que favorece a aerodinâmica, este tipo de bike foi projetado para aumento de performance. Se você preza pelo seu monossílabo, trilhas e terrenos irregulares nem pensar… Esqueça o conforto!

fonte da imagem: http://www.dahonbikes.com

Sem sombra de dúvidas as dobráveis são a nova tendência de mobilidade urbana. Projetadas para serem fáceis de guardar e transportar, geralmente cabem na mala do carro ou ao seu lado no metrô. São confortáveis, mas, devido às pequenas rodas (geralmente aro 16″ ou 20″), deixam um pouco a desejar em terrenos muito acidentados. Não servem para trilhas nem para competições, mas são ótimas para passear ou ir ao trabalho (cabem em baixo da mesa do escritório).

Montar?

Caia fora, isso é esparro puro! A não ser que você tenha experiência com peças e acessórios, você vai se meter numa tremenda enrascada. Se você já caiu neste erro, ou conhece alguém, certamente você está rindo e concordando com o que acabou de ler.

Muita gente acredita na velha ilusão de que montar uma bike é mais barato que comprar uma de marca. Não tem mágica: se for mais barata, as peças são de qualidade inferior! Ou você acha que uma loja pequena vai comprar peças boas pelo mesmo preço que uma marca famosa compra? Claro que não! Empresas grandes compram peças aos milhares e conseguem maior barganha.

Independente se for comprar pronta ou montar a sua bike, fique de olho principalmente à marca dos câmbios e passadores. Dê preferência ao Shimano e SRAM, pois são marcas bem aceitas no mercado.

Preço

Quanto mais você investir inicialmente numa bike, menos vai gastar com substiuição de peças. Então deixe de canguinhagem e pense à longo prazo. Se estiver com bala na agulha, invista que você não vai se arrepender. Você vai economizar muito evitando a substituição de peças que são caras quando compradas avulsas.

Atualmente para comprar uma bike razoavelmente boa, com componentes razoavelmente bons, você não vai gastar menos que R$ 1.200,00. É claro que deve imperar o bom senso. Tudo vai depender do quanto você está disposto a investir. No geral, a confort é mais barata que a mountain que é mais barata que a speed.

Marca

Existem diversas marcas. Se você quiser dar preferência à indústria brasileira, a Caloi oferece várias opções que batem testa com bikes importadas. No mais, existem marcas gringas que são muito bem aceitas: Specialized, Scott, FujiMerida, Trek, Giant, Niner, BMCCannondale dentre muitas outras. Se for dobrável, as marcas preferidas são: Dahon e Brompton.

Espero que este material te ajude a escolher sua bike. Uma coisa você pode ter certeza: é muito gratificante e saudável dar uma boa pedalada. Achei um artigo bem interessante tratando sobre o mesmo assunto: Veja qual é o tipo de bike ideal para você.

Desejo uma boa escolha e um bom pedal!

Anúncios


6 Responses to “Qual bike devo comprar?”

  1. Valeu cara. Acho que eu fui um dos motivadores deste post, correto? hahaha

    Acho que vou comprar a specialized mesmo.Segue modelo:
    http://www.multibike.com.br/produto_detalhe.ecm?p=34528

    Quando eu for à Salvador, levarei-a para pedalarmos juntos.

    Grande abraço,

    Roberiton

    • Foi sim! Você foi o último que me perguntou antes de escrever o post. 😉 Traga a bike mesmo para a gente fazer uma trilha ou até mesmo andar pela cidade.

  2. 3 Alexandro

    Qual é a sua?

    • Atualmente estou com uma Caloi Supra. Já modifiquei um monte de coisa nela, isso me fez gastar um bom dinheiro. Ao invés de comprar a Supra, hoje eu investiria mais, por isso dei esta dica no post. Mas ela já é uma ótima pedida na relação custo x benefício. Hoje eu investiria algo em torno de R$ 2.000,00 a R$ 2.800,00 numa bike. Às vezes penso também em ter, além de uma MTB, uma speed para participar de competições e triathlon. Nessas horas sinto falta de uma speed, mas o estilo que eu curto mesmo é a MTB.

  3. Um site interessante indicado por Roberiton: http://www.escoladebicicleta.com.br/comprar.html

  4. 6 Luciane Lober

    Cleverson muito obrigada mesmo por suas dicas. Como estou iniciando em trilhas vou investir numa MTB mesmo de boa qualidade para , como vc mesmo falou, não ter problemas futuros com reposição de peças.
    Um abraço,
    Luciane Lober


E aí, o que você achou? Comenta aí...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s